Índice tornozelo-braquial e melhoria da detecção e dos desfechos das doenças arteriais periféricas - JAMA. 2018;320(2):143-145.

Mary M. McDermott, MD; Michael H. Criqui, MD, MPH

A doença arterial periférica (DAP) afeta cerca de 8,5 milhões de adultos nos Estados Unidos e 202 milhões de adultos em todo o mundo. A DAP consiste na aterosclerose das artérias das extremidades inferiores, resultando em suprimento inadequado de oxigênio para os músculos das extremidades inferiores durante a atividade de caminhada. As pessoas com DAP geralmente caminham apenas de uma a três quadras antes de terem que parar e descansar por causa dos sintomas isquêmicos das pernas. A DAP também é um marcador para a presença de doença aterosclerótica nas artérias coronárias e cerebrovasculares. Consistente com esse fenômeno, as pessoas com DAP têm maiores taxas de eventos coronarianos agudos, acidente vascular cerebral isquêmico e mortalidade, em comparação com pessoas sem DAP.
...

Palavras chave: Cirurgia cardiovascular, doença arterial periférica, aterosclerose, artérias, extremidades inferiores.

Divulgação



Publicidade

conteúdos relacionados
Search_LibdocFree @SearchWordsAux='Índice tornozelo-braquial e melhoria da detecção e dos desfechos das doenças arteriais periféricas - JAMA. 2018;320(2):143-145. Cirurgia cardiovascular, doença arterial periférica, aterosclerose, artérias, extremidades inferiores.',@type='ARTICLE', @libdocidant=0, @max_rows=10, @key_rank=0


Assinantes


Esqueceu a senha?