Funasa se prepara com vacina

27 de março de 2003
Equipe Editorial Bibliomed

27 de Março de 2003. Em nota divulgada esta semana, a Fundação Nacional de Saúde (Funasa), afirma que o possível uso de armas químicas não resultará em danos locais para a população. No caso de um ataque com armas biológicas, a principal arma seria o antraz.
Segunda a fundação, a contaminação por Varíola é remota, mas, o Ministério da Saúde já comprou 500 mil doses da vacina contra varíola dos Estados Unidos por precaução.
Caso ocorra um ataque em qualquer local do mundo, serão vacinadas imediatamente 60 mil pessoas, que ficarão encarregadas...

Palavras chave: estados unidos, funasa, pessoa, armas, varíola, vacina, ataque, estados, unidos, saúde, investigação epidemiológica, e da investigação, referência e da, investigação epidemiológica p

Divulgação



Publicidade

conteúdos relacionados

Clipping / Publicado em 15 de janeiro de 2004
Intervenção precoce tem repercussão positiva sobre hábitos alimentares de crianças
Clipping / Publicado em 13 de janeiro de 2004
Acidificação duodenal pode se relacionar a sintomas de dispepsia
Clipping / Publicado em 5 de janeiro de 2004
Exercício esporádico 'faz mal ao coração’
Clipping / Publicado em 31 de dezembro de 2003
Falha nas conexões cerebrais pode ser causa de Alzheimer
Clipping / Publicado em 24 de dezembro de 2003
Estudo avalia papel de vegetais na prevenção do câncer de bexiga
Clipping / Publicado em 16 de setembro de 2003
Relações delicadas
Clipping / Publicado em 15 de setembro de 2003
Fim de vida em doentes com DPOC final deve ser discutido com o paciente
Clipping / Publicado em 1 de setembro de 2003
Padrão genético específico associado ao carcinoma gástrico
Clipping / Publicado em 11 de julho de 2003
Futuros pais querem ficar em casa
Clipping / Publicado em 2 de junho de 2003
Aumenta a resistência do gonococo a ciprofloxacina


Assinantes


Esqueceu a senha?