Efeito colateral menor em remédio de filariose

11 de março de 2003
Equipe Editorial Bibliomed

11 de Março de 2003. Pesquisadores do Departamento de Patologia do Centro de Pesquisas Aggeu Magalhães (CPqAM), da Fundação Oswaldo Cruz em Pernambuco, estudam a possibilidade de elaborar remédios mais eficazes e com menor efeito colateral para o tratamento da filariose. A primeira parte da pesquisa já revelou que a dietilcarbamazina (DEC), remédio utilizado no tratamento da filariose, cura o ser humano não só por estimular seu sistema imunológico, mas também porque a medicação afeta diretamente as microfilárias.
Um artigo com os resultados preliminares do estudo será...

Palavras chave: filariose, tratamento filariose, tratamento, menor, efeito, remédio, cura, só estimular, humano não só estimular, dec, humano não só, ser humano não, medicação, imunológico, sistema,

Divulgação



Publicidade

conteúdos relacionados

Clipping / Publicado em 23 de novembro de 2005
Bebês prematuros são mais propensos a ter pressão alta, diz estudo
Clipping / Publicado em 15 de janeiro de 2004
Shiatsu: a cura na ponta dos dedos
Clipping / Publicado em 6 de janeiro de 2004
Estudo investiga relação entre antropometria e evolução da infecção pelo HIV em crianças
Clipping / Publicado em 5 de janeiro de 2004
Administração de valaciclovir é capaz de prevenir a transmissão sexual do HSV-2
Clipping / Publicado em 18 de novembro de 2003
H. pilory /i>: terapia tríplice (TT) com rabeprazol é mais efetiva que TT com omeprazol
Clipping / Publicado em 10 de novembro de 2003
Aspirina vai ter nova indicação
Clipping / Publicado em 7 de outubro de 2003
Anticoncepcional masculino dá resultados promissores
Clipping / Publicado em 30 de abril de 2003
Hospitalizações múltiplas em diabéticos estão associadas a características raciais e sócio-econômicas
Clipping / Publicado em 30 de abril de 2003
Novo estimulante sexual consegue eficácia em 92% dos casos e promete superar Viagra
Clipping / Publicado em 27 de dezembro de 2002
Queda nas taxas de natalidade preocupa a Europa


Assinantes


Esqueceu a senha?