Sexo na Internet é libertador e desinibidor, diz estudo

22 de outubro de 2003
Equipe Editorial Bibliomed

22 de Outubro de 2003. Com a finalidade de avaliar o cibersexo como canal de estabelecimento de relações, uma pesquisadora portuguesa desenvolve um estudo sobre o papel libertador e desinibidor do sexto na Internet. Em artigo publicado na científica americana The Journal of Sex and Marital Therapy, Ana Alexandra Carvalheira afirma que chats permitem aos usuários a "expressão livre dos seus desejos e interesses sexuais". Segundo ela, o anonimato garantido pelo sexo na Internet é principal fio condutor das relações entre pessoas que usam chat-rooms sexuais. Na quinta-feira...

Palavras chave: sexo, internet, libertador desinibidor, sexo internet, desinibidor, libertador, pesquisadora, relações, sexuais, estudo, é principal fio condutor, condutor relações, fio condutor, de

Divulgação



Publicidade

conteúdos relacionados

Clipping / Publicado em 20 de abril de 2006
Acurácia da imagem digital ampliada na detecção de defeitos ósseos periodontais
Clipping / Publicado em 19 de janeiro de 2006
Ácidos graxos do cérebro podem ser solução para obesidade
Clipping / Publicado em 23 de agosto de 2005
OMS alerta que a gripe aviária pode atingir novos países
Clipping / Publicado em 12 de agosto de 2005
Do fundo da medula óssea
Clipping / Publicado em 13 de junho de 2005
Trabalho chato pode provocar ataque cardíaco, diz pesquisa
Clipping / Publicado em 26 de janeiro de 2005
Educar pacientes antes da alta hospitalar pode melhorar o tratamento da ICC
Clipping / Publicado em 28 de dezembro de 2004
Emagrecedores naturais entram na lista de quem quer perder peso
Clipping / Publicado em 10 de novembro de 2004
Merck contesta artigo de revista médica sobre Vioxx
Clipping / Publicado em 20 de setembro de 2004
Tratamento inovador para a epilepsia
Clipping / Publicado em 15 de dezembro de 2003
Nova pista terapêutica para o Ebola é testada em macacos


Assinantes


Esqueceu a senha?