testosterona

buscar
resultado
informação buscada: testosterona
total de (504) resultados
  • Endocrinologia e Diabetes - Parte 07 – Endocrinologia Masculina- Capítulo 52 – Falência Testicular - Francisco Bandeira; Hans Graf; Luiz Griz; Manuel Faria; Marise Lazaretti-Castro

    Clineu José de Alencar Francisco Bandeira . Definição . Hipogonadismo masculino pode ser definido como ausência ou decréscimo da função gonadal, que se manifesta por deficiência na gametogênese e/ou na secreção dos hormônios gonadais masculinos. Essa deficiência pode ser resultante de alterações na própria gônada (hipogonadismo primário), ou ser secundária a uma lesão em algum ponto do eixo hipotalâmico-hipofisário gonadal (hipogonadismo secundário) ou ainda, ocasionalmente, à incapacidade

    Livro / Publicado em 31 de maio de 2013
  • Baixa concentração de testosterona livre como uma causa possivelmente tratável de sintomas depressivos em homens idosos

    19 de março de 2008 (Bibliomed). As concentrações séricas de hormônios gonadais têm sido relacionadas a várias medidas de bem-estar, mas permanece incerto se sua associação com humor é confundida por morbidade física concorrente. Um estudo publicado na revista Archives of General Psychiatry determinou se esta relação entre níveis de testosterona e humor em 3.987 homens idosos depende de comorbidades físicas. De toda a coorte, 5,1% teve depressão. Participantes com depressão tiveram níveis

    Clipping / Publicado em 19 de março de 2008
  • Genética pode ser responsável por baixos níveis de testosterona

    Clipping / Publicado em 11 de outubro de 2011
  • Tratamento do Hipogonadismo

    © Equipe Editorial Bibliomed . Neste artigo:. - Introdução - Sinais e Sintomas - Diagnóstico Laboratorial - Benefícios e Riscos do Tratamento com Testosterona - Tratamento - Monitoramento - Referências Bibliográficas. Introdução . O hipogonadismo masculino tem sido tratado com reposição de testosterona há mais de 50 anos. Diversas condições podem levar ao comprometimento do eixo hipotálamo-hipófise-testículo (EHHT), levando ao hipogonadismo. O hipogonadismo hipergonadotrófico

    Artigo / Publicado em 24 de julho de 2009
  • A influência da testosterona no risco cardiovascular

    15 de março de 2015 (Bibliomed). Dois novos estudos sobre os potenciais riscos cardiovasculares relacionados à terapia de substituição de testosterona em homens, apresentados no American College of Cardiology 2015 Scientific Sessions, que ocorreu de 14 a 16 de março em San Diego, Califórnia, Estados Unidos, sugerem que essa pode não ser a causa do dano cardiovascular apontado por análises anteriores.. O primeiro estudo incluiu 7.245 homens com baixos níveis de testosterona em 15 hospitais e 150

    Notícias / Publicado em 25 de março de 2015
  • Terapia com testosterona e incidência de infarto e AVC

    13 de dezembro de 2013 (Bibliomed). O número de terapia com testosterona está aumentando e os efeitos dessa terapia sobre os resultados cardiovasculares e mortalidade são desconhecidas. Um ensaio clínico randomizado recente sobre terapia de testosterona em homens com uma alta prevalência de doenças cardiovasculares foi interrompido prematuramente devido a eventos cardiovasculares adversos levantando preocupações sobre a segurança da terapia. Assim, um atual estudo avaliou a associação entre

    Notícias / Publicado em 9 de dezembro de 2013
  • Esteróides sexuais e a composição corporal, função sexual e força masculina

    17 de outubro de 2013 (Bibliomed). As abordagens atuais para o diagnóstico de deficiência de testosterona não consideram as conseqüências fisiológicas de vários níveis de testosterona, nem as manifestações clínicas. Um atual estudo avaliou 198 homens saudáveis ​​de 20 a 50 anos de idade, utilizando acetato de goserelina (para suprimir os níveis endógenos de testosterona e estradiol) e, em seguida, os distribuiu aleatoriamente para receber gel placebo ou 1,25 g, 2,5 g, 5 g ou 10

    Notícias / Publicado em 14 de outubro de 2013
  • Baixo interesse sexual em mulheres não é causado por falta de testosterona

    13 de julho de 2005. A falta de desejo sexual relatado por algumas mulheres não se deve à falta de testosterona, afirmam cientistas à respeitada revista Journal of the American Medical Association - JAMA. Segundo pesqusiadores, o desejo sexual de mulheres com baixos níveis de testosterona no sangue não é inferior ao de mulheres cujos níveis de testosterona são normais ou altos. Cerca de 1400 mulheres participaram de estudo realizado pelos cientistas com o intuito de relacionar os níveis

    Clipping / Publicado em 13 de julho de 2005
  • Deficiência de testosterona poderia reduzir expectativa de vida dos homens

    25 de outubro de 2007 (Bibliomed). Homens mais velhos com baixos níveis de testosterona, o hormônio masculino, podem morrer mais cedo do que os homens da mesma idade com níveis normais, segundo um estudo da Universidade da Califórnia. Os pesquisadores descobriram que, entre os 794 homens saudáveis entre 50 e 91 anos de idade que participaram do estudo, aqueles com os menores níveis do hormônio eram 40% mais propensos a morrer no período do estudo (1985 a 2004). Em teoria, isso aconteceria

    Clipping / Publicado em 25 de outubro de 2007
  • Homens com altos níveis de testosterona preferem sexo seguro

    22 de novembro de 2011 (Bibliomed). Homens com altos níveis de testosterona têm tendências maiores a fazerem escolhas arriscadas em suas vidas, mas quando o assunto é sexo, eles são mais precavidos. Uma nova pesquisa afirma que homens com níveis altos desse hormônio têm maiores chances de aceitarem práticas de sexo seguro.. Os participantes da pesquisa (desenvolvida na Universidade de Michigan, no EUA) foram jovens universitários entre 18 e 19 anos, que estavam no início de suas vidas

    Clipping / Publicado em 22 de novembro de 2011
< Anterior de 51 Próxima >

Assinantes


Esqueceu a senha?