Relação entre antidepressivos e suicídio em crianças: existe diferença entre os diferentes tipos de medicamentos?
19 de fevereiro de 2014
Equipe Editorial Bibliomed

19 de fevereiro de 2014 (Bibliomed). Dados recentes mostram um possível aumento do risco de comportamento suicida em crianças e adolescentes tratados com inibidores da recaptação da serotonina (ISRSs) e inibidores da recaptação de serotonina, noradrenalina (IRSNs) o que gera uma preocupação significativa entre os pacientes, famílias e prestadores de serviços. Uma atual coorte, então, comparou o risco de tentativas de suicídio entre os novos usuários de sertralina, paroxetina, citalopram, escitalopram,...

Palavras chave: pediatria, suicídio, psiquiatria, antidepressivos, ISRS, ISRN

Copyright © 2014 Bibliomed, Inc.

Divulgação



Publicidade

conteúdos relacionados
Notícia / Publicada em 16 de junho de 2016
Antidepressivos podem ser ineficazes em crianças e adolescentes
Notícia / Publicada em 22 de abril de 2015
Suicídio pode ser prevenido
Notícia / Publicada em 9 de setembro de 2013
Uso de antidepressivos no período periparto associado a risco de sangramento
Notícia / Publicada em 3 de junho de 2013
Estados depressivos dos pais e a presença de espectro autista na criança
Notícia / Publicada em 3 de junho de 2005
Antidepressivos capazes de reduzir o risco de suicídios em idosos
Notícia / Publicada em 30 de novembro de 2004
Uso de antidepressivos e risco de primeira hospitalização por infarto agudo do miocárdio
Notícia / Publicada em 21 de novembro de 2003
Remédios são a principal causa de intoxicação no país
Notícia / Publicada em 18 de junho de 2003
Antidepressivo pode estar provocando reações suicidas em crianças
Notícia / Publicada em 5 de setembro de 2002
Presença de armas de fogo estimula suicídio


Assinantes


Esqueceu a senha?