O uso de antipsicóticos aumenta o risco de infarto do miocárdio em idosos
15 de maio de 2012
Equipe Editorial Bibliomed

15 de maio de 2012 (Bibliomed). Os antipsicóticos (AP) são comumente prescritos para pacientes idosos com demência. O uso de antipsicóticos está associado com um risco aumentado de acidente vascular cerebral isquêmico nesta população.

Pesquisadores da Universidade de Montreal investigaram a associação entre o uso de AP e o risco de infarto agudo do miocárdio (IAM). Entre os 37.138 participantes, 10.969 (29,5%) iniciaram tratamento com AP. Dentro de 1 ano do início do tratamento com AP, 1,3% deles tiveram...

Palavras chave:

Copyright © 2012 Bibliomed, Inc.

Divulgação



Publicidade

conteúdos relacionados
Notícia / Publicada em 30 de julho de 2019
Terapia de reposição de testosterona poderia aumentar o risco cardiovascular
Notícia / Publicada em 10 de dezembro de 2018
Diferenças de gênero nos fatores de risco para infarto do miocárdio
Notícia / Publicada em 25 de agosto de 2014
Consumo leve de álcool associado a menor risco de infarto
Notícia / Publicada em 11 de novembro de 2013
Antipsicóticos e o risco de Diabetes Mellitus tipo 2
Notícia / Publicada em 6 de setembro de 2013
ESC 2013: Benefícios das estatinas para idosos sem doença cardiovascular
Notícia / Publicada em 3 de junho de 2013
Mulheres idosas recebem menos terapêuticas de reperfusão do que o ideal
Notícia / Publicada em 3 de abril de 2012
Uso de antipsicóticos aumenta o risco de mortalidade em idosos
Notícia / Publicada em 4 de junho de 2010
O uso de antipsicóticos é associado a um maior risco de pneumonia em idosos
Notícia / Publicada em 24 de setembro de 2008
Exposição a antipsicóticos eleva risco de AVC


Assinantes


Esqueceu a senha?