Novos inibidores de proteases se mostram promissores para o tratamento combinado contra o HIV
07 de setembro de 2000
Equipe Editorial Bibliomed

WESTPORT, (Reuters Health) - O novo azapeptídeo inibidor de protease BMS-232632 parece ser um bom candidato para o uso no tratamento combinado da infecção pelo HIV, de acordo com pesquisadores da Bristol-Meyers Squibb Company, em Wallingford, Connecticut.

O Dr. Ping-Fang Lin e colaboradores estudaram o desenvolvimento de resistência ao BMS-232632 pela passagem de três cepas de HIV-1 em células MT-2 na presença de concentrações crescentes da droga.

Uma cepa na qual várias combinações de mutações se desenvolveram foi também exposta ao saquinavir, indinavir,...

Palavras chave: bms-232632, cepa, resistência, mutações, diminuição, sensibilidade bms-232632, inibidores, pesquisadores, sensibilidade, desenvolvimento, hiv-1, resistência bms-232632, cepa hiv-1, vezes sensibilidade bms-232632, vezes sensibilidade, desenvolveram, combinado, vírus, vezes, amprenavir,

Sinopse preparada por Reuters Health

Copyright © 2000 Reuters Limited. All rights reserved. Republication or redistribution of Reuters Limited content, including by framing or similar means, is expressly prohibited without the prior written consent of Reuters Limited. Reuters Limited shall not be liable for any errors or delays in the content, or for any actions

Divulgação



Publicidade

conteúdos relacionados


Assinantes


Esqueceu a senha?