Cérebro de obesos tem mais prazer com a comida
09 de julho de 2002
Equipe Editorial Bibliomed

09 de Julho de 2002 (Bibliomed). Mais uma das possíveis diferenças entre gordos e magros foi encontrada por pesquisadores em um estudo preliminar: parece que as áreas cerebrais associadas à sensibilidade da boca, língua e lábios em obesos podem reagir mais a estímulos do que áreas de indivíduos magros. Esta sensibilidade aumentada poderia aumentar o prazer em comer e levar a pessoa a comer demais e se tornar obesa.

Os resultados serão publicados na revista NeuroReport, e foram baseados em estudos de imagem que demonstraram quais áreas cerebrais eram ativadas...

Palavras chave: áreas, obesos, jejum, atividade, mais, áreas cerebrais, indivíduos, resultados, comer, diferenças, exame, magros, cerebrais, sensibilidade, indivíduos magros, à sensibilidade boca, sensibilidade boca, maior, boca, à sensibilidade,

Copyright © 2002 Bibliomed, Inc.

Divulgação



Publicidade

conteúdos relacionados
Notícia / Publicada em 28 de janeiro de 2013
Tabagistas apresentam resposta hipotalâmica alterada ao alimento
Notícia / Publicada em 3 de julho de 2003
Pesquisa comprova que há, realmente, diferenças subjetivas na percepção da dor.
Notícia / Publicada em 9 de setembro de 2002
Os bebês "falam", não "fazem barulho"
Notícia / Publicada em 14 de agosto de 2002
Crianças obesas podem superar preconceito dos colegas
Notícia / Publicada em 13 de agosto de 2002
Possível base fisiológica para a gagueira
Notícia / Publicada em 18 de julho de 2002
Indivíduos obesos têm resposta diferente a hormônio
Notícia / Publicada em 17 de maio de 2002
Estudados efeitos da postectomia sobre a função sexual
Notícia / Publicada em 18 de janeiro de 2001
A Hipertensão de Magros e de Obesos Pode Ser Doenças Diferentes
Notícia / Publicada em 8 de novembro de 2000
Diabetes: Controle da Doença Pode Evitar Complicações


Assinantes


Esqueceu a senha?