Cocaína aumenta a disseminação do HIV a nível celular
26 de fevereiro de 2002
Equipe Editorial Bibliomed

Belo Horizonte, 26 de fevereiro de 2002 (Bibliomed). Além de estar intrinsecamente relacionada à epidemia de Aids, o uso de cocaína parece estar ligado à disseminação celular do HIV, segundo estudo feito em camundongos. A presença de cocaína parece aumentar em até 200 vezes a transmissão célula a célula do vírus.

Esta descoberta é importante, já que a cocaína é uma das principais drogas de abuso no mundo e seu uso ser particularmente significativo em populações sob alto risco de contrair o vírus. O crack, forma mais barata do consumo de cocaína, está se...

Palavras chave: cocaína, hiv, camundongos, mais, uso, disseminação, vezes, uso cocaína, não, é, está, sistema imune, 200 vezes, está claro, ser, mundo, 200, relação, célula, lesões sistema imune,

Copyright © 2002 Bibliomed, Inc.

Divulgação



Publicidade

conteúdos relacionados
Notícia / Publicada em 20 de julho de 2021
COVID-19 pode causar diretamente uma inflamação grave no cérebro, mostra estudo
Notícia / Publicada em 26 de agosto de 2013
Cocaína leva a aumento da vasoconstrição da microcirculação coronariana
Notícia / Publicada em 21 de junho de 2011
Maioria das infecções pelo HIV entre os usuários de drogas injetáveis ocorre por transmissão sexual
Notícia / Publicada em 20 de dezembro de 2002
Avaliação da exposição pré-natal à cocaína
Notícia / Publicada em 11 de junho de 2002
Uso de cocaína pode causar hipertermia
Notícia / Publicada em 11 de março de 2002
Interferons protegem as células beta pancreáticas
Notícia / Publicada em 11 de janeiro de 2002
Estudo sobre adicção a drogas não mostra benefício com o uso de acupuntura
Notícia / Publicada em 8 de janeiro de 2002
Diferenças individuais na resposta a anti-retrovirais pode ter base genética
Notícia / Publicada em 7 de abril de 2001
Brasil: Resenha Semanal


Assinantes


Esqueceu a senha?