Tratamento radical para o câncer de mama
23 de julho de 2001
Equipe Editorial Bibliomed

Belo Horizonte, 23 de Julho de 2001 (eHealthLA). Um artigo publicado na última semana no jornal médico americano New England Journal of Medicine promete causar polêmica dentre os médicos de todo o mundo.

De acordo com o artigo, mulheres com uma mutação genética do tipo BRCA1 ou BRCA2 têm 85% de chance de desenvolver câncer de mama e, com base nesta descoberta, os autores sugerem que as pessoas com tal mutação deveriam sofrer a retirada total da mama, bilateralmente, antes de apresentar sintomas da doença.

O trabalho foi realizado na Clínica de...

Palavras chave: câncer, mulheres, mama, mutação, câncer mama, sofreu, 63 mulheres, 63, mulheres mutação, mulheres não, tipo, procedimento, artigo, estudo, clínica, não, cirurgia desenvolveram câncer, auto-exame, detectada, metade,

Copyright © 2001 eHealth Latin America

Divulgação



Publicidade

conteúdos relacionados
Notícia / Publicada em 4 de maio de 2015
Ooforectomia ligada a maior sobrevida no câncer de mama BRCA1
Notícia / Publicada em 21 de outubro de 2013
Mastectomia contralateral profilática em mulheres jovens: um procedimento válido?
Notícia / Publicada em 24 de outubro de 2013
Mastectomia profilática oferece ganho mínimo contra o câncer de mama
Notícia / Publicada em 11 de junho de 2013
Café e cafeína no risco de câncer de mama
Notícia / Publicada em 8 de junho de 2012
Radiação na infância aumenta riscos de ocorrência de câncer de mama em meninas
Notícia / Publicada em 1 de setembro de 2010
Tamoxifeno é associado ao risco de eventos tromboembólicos
Notícia / Publicada em 12 de dezembro de 2008
O teste genético pode guiar o tratamento do câncer de mama?
Notícia / Publicada em 27 de setembro de 2002
Gene do câncer de mama relacionado a outros tumores
Notícia / Publicada em 3 de junho de 2002
Remoção dos ovários pode beneficiar algumas mulheres


Assinantes


Esqueceu a senha?