Um escore de risco clínico para estimar o risco de morte cardíaca súbita na população em geral
02 de setembro de 2019
Equipe Editorial Bibliomed

02 de setembro de 2019 (Bibliomed). A morte súbita cardíaca (MSC) continua sendo uma das principais causas de mortalidade prematura em todo o mundo; portanto, há uma busca contínua por ferramentas para a estratificação de risco da MSC. A doença coronariana é a principal causa de MSC em adultos, mas o nível de risco associado a múltiplos fatores de risco cardiovascular não está bem estabelecido.

Estudo apresentado no European Society of Cardiology Congress (ESC 2019), que ocorreu de 31 de...

Palavras chave: Hotlines, Congressos Virtuais, Bibliomed, European Society of Cardiology Congress, ESC 2019.

Copyright © 2019 Bibliomed, Inc.

Divulgação



Publicidade

conteúdos relacionados
Notícia / Publicada em 3 de setembro de 2020
Avaliação econômica da saúde do rastreamento e tratamento de crianças com hipercolesterolemia familiar
Notícia / Publicada em 3 de setembro de 2020
Ecocardiografia de esforço longitudinal global com estresse de exercício pode detectar disfunção cardíaca subclínica em crianças com doença de Kawasaki
Notícia / Publicada em 3 de setembro de 2020
Taxas de acidente vascular cerebral e mortalidade após TAVR válvula-na-válvula e comparação com dados de reoperação aórtica aberta
Notícia / Publicada em 12 de setembro de 2019
Novo modelo de predição de risco para morte súbita cardíaca na cardiomiopatia hipertrófica infantil
Notícia / Publicada em 11 de setembro de 2019
Terapia antitrombótica dependente para pacientes com fibrilação atrial com risco intermediário (pontuação CHA2DS2VASc de 1 ou 2) de AVC isquêmico
Notícia / Publicada em 11 de setembro de 2019
Qualidade de vida, depressão e detecção de possíveis problemas cardiovasculares e de saúde em pacientes com insuficiência cardíaca
Notícia / Publicada em 31 de agosto de 2017
Incidência de fibrilação atrial previamente não diagnosticada é alta em pacientes com fatores de risco para AVC e FA
Notícia / Publicada em 31 de agosto de 2017
Revascularização coronariana percutânea de última geração na doença coronariana trivascular: estudo SYNTAX II
Notícia / Publicada em 31 de agosto de 2017
Em pacientes com diabetes tipo 1, a intervenção coronária percutânea tem maiores riscos a longo prazo do que a CRVM


Assinantes


Esqueceu a senha?