Dissecção isolada espontânea do tronco celíaco e de artéria mesentérica superior

Equipe Editorial Bibliomed

Neste artigo:. - Introdução - Anatomia normal e patológica - Etiologia - Diagnóstico - Tratamento - Referências Bibliográficas. Introdução. A dissecção isolada espontânea da artéria celíaca e a dissecção isolada espontânea da artéria mesentérica superior representam os principais tipos de dissecção espontânea da artéria visceral. A dissecção espontânea isolada da artéria mesentérica superior (SISMAD) é uma doença rara, com incidência de 0,06%.. As dissecções espontâneas das artérias intra-abdominais têm predileção pela artéria mesentérica superior e também ocorre na artéria celíaca, embora raramente ocorra na artéria mesentérica inferior. Também pode ocorrer dissecção combinada da artéria mesentérica e da artéria celíaca. Relatos aumento da ocorrência da dissecção da artéria celíaca indicam aumento de sua frequência, o que tem sido atribuído ao aumento do uso de exames de imagem para diagnóstico.. A maioria dos pacientes sintomáticos com este tipo de quadro tem sido tratada de forma conservadora e mostra um curso descomplicado, e apenas uma pequena porcentagem exige conversão ...

Palavras chave: Dissecção, isolada, espontânea, tronco celíaco, artéria mesentérica superior, angiografia, angiotomografia, stent endovascular, cirurgia.

Divulgação



Publicidade

conteúdos relacionados
Search_LibdocFree @SearchWordsAux='Dissecção isolada espontânea do tronco celíaco e de artéria mesentérica superior Dissecção, isolada, espontânea, tronco celíaco, artéria mesentérica superior, angiografia, angiotomografia, stent endovascular, cirurgia.',@type='ARTICLE', @libdocidant=17631, @max_rows=10, @key_rank=0


Assinantes


Esqueceu a senha?