Custo-benefício não justifica escolha pela histerectomia laparoscópica

22 de janeiro de 2004
Equipe Editorial Bibliomed

22 de janeiro de 2004. Pesquisadores australianos comparam o custo-benefício da histerectomia tradicional comparada à histerectomia laparoscópica, a partir de dados dos ensaios multicêntricos do estudo VALuate. Cerca de 650 mil desses procedimentos são realizados nos Estados Unidos e Inglaterra anualmente, e o advento da laparoscopia fez com que essa abordagem tenha sido cada vez mais empregada. O artigo, publicado no British Medical Journal, demonstra que a abordagem laparoscópica não apresenta melhor custo-benefício que a vaginal, e tem custo semelhante...

Palavras chave: histerectomia, à, histerectomia laparoscópica, british medical, british, não, laparoscópica, abordagem, medical, custo-benefício, empregada o artigo publicado, empregada o artigo, ma

Divulgação



Publicidade

conteúdos relacionados

Clipping / Publicado em 2 de maio de 2006
Conceito de sensualidade apresenta mudanças, diz estudo
Clipping / Publicado em 21 de novembro de 2005
Substâncias contra o colesterol podem retardar mal de Alzheimer
Clipping / Publicado em 7 de novembro de 2005
Técnica pode acelerar vacina contra gripe aviária
Clipping / Publicado em 7 de novembro de 2005
Cirurgia de catarata melhora desempenho cognitivo de idosos
Clipping / Publicado em 9 de junho de 2005
Por uma vida longa e saudável
Clipping / Publicado em 21 de dezembro de 2004
Ciência a um passo de desmistificar experiências extracorpóreas
Clipping / Publicado em 8 de novembro de 2004
O vício em 3x4
Clipping / Publicado em 9 de dezembro de 2003
Revistos os mecanismos e modelos experimentais da epilepsia
Clipping / Publicado em 24 de janeiro de 2003
Profissionais do sexo se reúnem para lutar contra a Aids
Clipping / Publicado em 10 de janeiro de 2003
Pesquisadores descobrem variações genéticas que induzem à osteoporose


Assinantes


Esqueceu a senha?