Trajetória de desenvolvimento de violência física e roubo em homens

14 de maio de 2007
Equipe Editorial Bibliomed

14 de maio de 2007 (Bibliomed). Mecanismos neurocognitivos são utilizados para explicar comportamentos anti-sociais. Entretanto, estudos que avaliam esta associação tendem a agregar uma variedade de problemas comportamentais que podem ser afetados de forma diferente por déficits neurocognitivos. No periódico Archives of General Psychiatry, um estudo analisou a trajetória de 698 homens da adolescência até a idade adulta, no que se refere à violência física e roubos. Segundo os resultados, a maioria (55%) dos indivíduos apresentou uma freqüência aumentada...

Palavras chave: violência, violência física, física, roubos, física roubos, violência física roubos, freqüência aumentada, desenvolvimento violência, desenvolvimento, 2007, aumentada, homens, genera

 

Divulgação



conteúdos relacionados

Clipping / Publicado em 6 de abril de 2006
Reino Unido testa plano piloto de prevenção à gripe aviária
Clipping / Publicado em 16 de fevereiro de 2006
Número de pacientes atendidos nos ambulatórios de atenção primária aumenta
Clipping / Publicado em 23 de novembro de 2005
Excesso de trabalho ameaça saúde dos chineses
Clipping / Publicado em 3 de agosto de 2005
Pílula do dia seguinte não estimula sexo desprotegido
Clipping / Publicado em 12 de maio de 2005
Exame de sangue importante para idosos
Clipping / Publicado em 29 de novembro de 2004
Estudo revê métodos para avaliação do dissincronismo sistólico na insuficiência cardíaca
Clipping / Publicado em 9 de janeiro de 2004
Novas tabelas reajustam 27 medicamentos
Clipping / Publicado em 10 de dezembro de 2003
Colesterol alto: o que fazer?
Clipping / Publicado em 20 de outubro de 2003
'Coquetel anti-Aids dá sobrevida de dez anos'
Clipping / Publicado em 12 de março de 2003
Avaliado uso de stent recoberto de heparina em artéria de pequeno calibre


Assinantes


Esqueceu a senha?