Publicidade

Publicidade

Publicidade

VISCOTEARS

Laboratório

Novartis Biociências S.A

Principio ativo

CARBOMER

Classe

Composição

Cada grama contém 2 mg de carbomer. Excipientes: Cetrimida 0,1 mg (conservante), sorbitol, edetato dissódico e hidróxido de sódio.

Apresentação

Gel líquido oftálmico: Tubo de 10 g.

Indicações

Substituto do líquido lacrimal em caso de síndrome de ressecamento ocular (keratoconjuntivitis sicca) e para película lacrimal patológica ou insuficiente, como, por exemplo, em: síndrome de Sjögren; secura da córnea e conjuntiva na pós-menopausa, menopausa e senilidade; movimento inconstante da pálpebra (por exemplo: durante anestesia ou durante coma em unidade de terapia intensiva); fechamento insuficiente da pálpebra ou sensibilidade reduzida da córnea.

Contra indicações

Conhecida hipersensibilidade aos componentes do gel.

Posologia

A freqüência de administração depende da necessidade. Em média, é administrada 1 gota, 3 a 4 vezes ao dia. VISCOTEARS pode ser administrado com maior freqüência, dependendo da gravidade do caso. Modo de aplicação: Segure o tubo verticalmente. Isto resultará na formação de uma pequena gota, que rapidamente se desprenderá da abertura do tubo. Esta gota deve ser instilada no saco conjuntival inferior. Feche o tubo imediatamente após o uso. Antes da abertura do tubo, VISCOTEARS Gel líquido pode ser usado até o final do prazo de validade impresso na embalagem. Não utilize o medicamento por mais de um mês após a abertura do tubo.

Reações adversas

VISCOTEARS Gel líquido geralmente é bem tolerado. Após instilação do gel, ocasionalmente foram relatados casos de ardor leve e passageiro, adesão das pálpebras e/ou visão turva. VISCOTEARS pode temporariamente influenciar a acuidade visual. Deste modo, ao dirigir veículos ou operar máquinas pode ocorrer reação diminuída.

Interações medicamentosas

Não devem ser utilizadas lentes de contato durante o tratamento.
© 2000 - 2018 Bibliomed, Inc. Todos os Direitos Reservados contato imprensa