Publicidade

Publicidade

Publicidade

SYLADOR

Laboratório

SANOFI-SYNTHELABO Ltda.

Principio ativo

TRAMADOL, CLORIDRATO

Classe

Analgésicos e antitérmicos

Composição

Comprimidos Cada comprimido contém: cloridrato de tramadol........50mg excipientes q.s.p.................1 comprimido Contém: amido de milho, estearato de magnésio, lactose, povidona. Solução oral Cada ml de solução contém: cloridrato de tramadol........50mg veículo q.s.p. ........................1 ml Contém: aroma de framboesa, ciclamato de sódio, metilparabeno, propilparabeno, sacarina sódica, ácido clorídrico, água purificada.

Apresentação

SYLADOR® comprimidos de 50mg :cartucho contendo 10 comprimidos SYLADOR® solução oral de 50mg/ml: frasco conta-gotas contendo 10 ml

Indicações

SYLADOR é indicado no alívio da dor de intensidade moderada ou severa, de caráter agudo, subagudo ou crônico, de diversas etiologias.

Contra indicações

SYLADOR é contra-indicado nos seguintes casos: -hipersensibilidade ao cloridrato de tramadol; -intoxicação alcoólica e intoxicações por outras substâncias depressoras do sistema nervoso central; -embora o cloridrato de tramadol não tenha demonstrado, em estudos em animais, nenhum efeito sobre a monoaminoxidase, recomenda-se não utilizá-lo em pacientes sob o tratamento com IMAOs por analogia com outros analgésicos do mesmo tipo, sob o risco de potencialização.

Posologia

A posologia deve ser ajustada segundo critério médico, e de acordo com a intensidade da dor.

Reações adversas

Sobretudo se utilizado em doses excessivas, o cloridrato de tramadol pode ocasionar sudorese (especialmente após administração intravenosa rápida), tonturas, náuseas, vômitos, secura na boca, sonolência e raramente hipotensão.

Interações medicamentosas

-evitar uso em recém-natos, em vista de sua reduzida capacidade de eliminação renal; -adequar a posologia em pacientes com insuficiência renal; -o uso em mulheres grávidas e lactantes não é recomendado a menos que no julgamento médico os benefícios potenciais sejam superiores aos riscos; -o medicamento pode diminuir a capacidade de reação, e durante o seu uso os pacientes devem ser advertidos quanto à condução de veículos e operação de máquinas perigosas; -utilizar com cautela em presença de doença pulmonar obstrutiva crônica; -a experiência clínica com cloridrato de tramadol em menores de 12 anos é ainda insuficiente.
© 2000 - 2018 Bibliomed, Inc. Todos os Direitos Reservados contato imprensa