Estudo que ligava ecstasy a dano cerebral foi feito com droga errada

09 de setembro de 2003
Equipe Editorial Bibliomed

09 de Setembro de 2003. Um grupo de cientistas que divulgou um estudo onde sugeriam que os danos cerebrais causados pelo ecstasy seriam semelhantes aos verificados nos doentes com mal de Parkinson disseram esta semana que os resultados da pesquisa estão incorretos. Os pesquisadores voltaram atrás na divulgação dos resultados publicados na revista "Science" afirmando que, durante a análise, foi usada por engano a metanfetamina em vez da droga que devia ser estudada, a MDMA (ecstasy). O erro foi descoberto quando os cientistas não conseguiram repetir...

Palavras chave: ecstasy, pesquisadores, estudo, droga, resultados, semelhantes, mal, cientistas, erro descoberto, descoberto cientistas, ecstasy erro, mdma ecstasy, estudada, erro descoberto cien

Divulgação



Publicidade

conteúdos relacionados

Clipping / Publicado em 20 de março de 2007
Médicos japoneses pedem o fim da respiração boca a boca
Clipping / Publicado em 6 de julho de 2006
Após 20 anos, homem recupera consciência e volta a falar
Clipping / Publicado em 3 de fevereiro de 2006
Monóxido de Carbono pode causar danos ao coração, diz estudo
Clipping / Publicado em 1 de dezembro de 2005
Estudo tenta entender sobrevivência de pacientes graves
Clipping / Publicado em 25 de novembro de 2004
Mulheres já são 47,3% dos adultos com HIV, diz ONU
Clipping / Publicado em 20 de julho de 2004
A depressão e ansiedade tendem a aumentar na sociedade moderna
Clipping / Publicado em 4 de março de 2004
USP cria embalagem para conservar carne por mais tempo
Clipping / Publicado em 9 de dezembro de 2003
EUA: novo anticoncepcional reduz número de períodos menstruais no ano
Clipping / Publicado em 28 de novembro de 2003
Filtros intravasculares podem ser seguros em pacientes com risco de embolismo séptico
Clipping / Publicado em 11 de abril de 2003
Metotrexato reduz as recidivas da leucemia linfocítica aguda no SNC


Assinantes


Esqueceu a senha?