Teólogos aprovam nova técnica para criar ovócitos

02 de maio de 2003
Equipe Editorial Bibliomed

02 de Maio de 2003. Em entrevista à revista Science, três teólogos descartaram um possível conflito ético a partir da pesquisa que aplicou em humanos uma técnica para criar ovócitos a partir de células-mãe embrionárias de ratos que se desenvolvem até os primeiros estados do embrião. A pesquisa conseguiu produzir células-mãe embrionárias através dos ovócitos obtidos in vitro. O cultivo dessas céulas-mãe embrionárias não pode ser considerado um atentado contra a vida humana, como é considerada a retirada de células-mãe de um embrião natural, também afirmaram...

Palavras chave: embrionárias, ovócitos, células-mãe, partir, técnica, é, criar ovócitos, células-mãe embrionárias, técnica criar ovócitos, teólogos, técnica criar, acreditam, não, à, pesquisa, embri

Divulgação



Publicidade

conteúdos relacionados

Clipping / Publicado em 7 de fevereiro de 2006

Redução de peso também reduz a incontinência urinária feminina

Clipping / Publicado em 1 de março de 2004

A moralidade dos clones e o saco de proteínas

Clipping / Publicado em 20 de janeiro de 2004

Cremerj quer proteção policial para médicos

Clipping / Publicado em 15 de dezembro de 2003

Comparados diversos regimes terapêuticos para infecção pelo HIV-1

Clipping / Publicado em 5 de setembro de 2003

Epidemia de catapora deixa BH em alerta

Clipping / Publicado em 1 de setembro de 2003

Holanda será o primeiro país a vender maconha em farmácia

Clipping / Publicado em 20 de junho de 2003

Unicamp cria embalagem comestível com farinha vegetal

Clipping / Publicado em 28 de abril de 2003

Rouquidão pós-operatória pode ser diminuída com melhor indução anestésica

Clipping / Publicado em 7 de março de 2003

Mais de 5% dos adolescentes são dependentes de álcool no Brasil

Clipping / Publicado em 7 de março de 2003

Bons resultados com uso de marcapassos para tratamento da insuficiência cardíaca



© 2000 - 2017 Bibliomed, Inc. Todos os Direitos Reservados contato imprensa