Clínica Médica Vol. 1 - Nº 1 - Infecção Hospitalar - Capítulo 01 - Infecção em Próteses

Sérgio Luiz de Lima. Bernadete Cattete Blom. Introdução. A utilização de dispositivos protéticos na prática médica atual tornou-se comum, propiciando o salvamento de vidas e a melhora da qualidade existencial de pacientes anteriormente condenados à mutilação e à limitação de suas funções.. Calcula-se, em estimativas não-publicadas, que cerca de 3.000.000 de cateteres venosos, mais de 500.000 artroplastias de joelhos e 200.000 marcapassos são processados anualmente, em todo o mundo.. Certamente o impacto das infecções desses procedimentos é desastroso, porque resulta em destruição de tecidos, disfunções sérias dos dispositivos implantados, disseminação sistêmica de microrganismos e, freqüentemente, retirada do implante.. Fisiopatologia e Epidemiologia. As infecções dos implantes estariam relacionadas com as variadas naturezas dos materiais utilizados, que determinariam a deposição de diferentes proteínas nas próteses, levando à colonização e à aderência de bactérias. Aliadas a esse processo, alterações das funções....

Divulgação



Publicidade

conteúdos relacionados



© 2000 - 2018 Bibliomed, Inc. Todos os Direitos Reservados contato imprensa