Terapia com estatinas e a gravidade da embolia pulmonar

02 de novembro de 2013
Equipe Editorial Bibliomed

2 de novembro de 2013 (Bibliomed). Estudos recentes revelaram que as estatinas diminuem a incidência de embolia pulmonar, mas não se tem relatado o efeito dessas na gravidade da doença.

Considerando que o efeito preventivo das estatinas em casos de embolia pulmonar é controverso, pesquisadores da Illinois Masonic Medical Center, nos Estados Unidos, desenvolveram um estudo que teve como objetivo determinar a associação entre estatinas e a gravidade da embolia pulmonar.

Palavras chave: CHEST 2013, American College of Chest Physicians Annual Meeting, congressos virtuais, hotlines, pneumologia, terapia, estatinas, embolia pulmonar, Índice de Gravidade de Embolia Pulmonar Simplificado (SPESI)

Copyright © 2013 Bibliomed, Inc.

Divulgação



Publicidade

conteúdos relacionados



© 2000 - 2017 Bibliomed, Inc. Todos os Direitos Reservados contato imprensa