O caso da maratona de Boston: a preparação para o atendimento a catástrofes

20 de junho de 2013
Equipe Editorial Bibliomed

20 de junho de 2013 (Bibliomed). Em 15 de abril, dois dispositivos explosivos improvisados ​​(IEDs) foram detonados na Maratona de Boston. Três pessoas foram mortas e 264 ficaram feridas. Apesar do caos gerado, a resposta médica global foi bem sucedida. As vítimas na cena da explosão receberam ajuda imediata. Estabilização crucial de lesões traumáticas foi fornecida em tendas médicas. Os pacientes foram triados e rapidamente carregados em ambulâncias. Dentro de 45 minutos, o último dos pacientes feridos foi transportado. Ninguém que foi transportado...

Palavras chave: medicina de urgência, maratona de Boston, catástrofes, vítimas em massa, trauma.

Copyright © 2013 Bibliomed, Inc.

Divulgação



Publicidade

conteúdos relacionados



© 2000 - 2019 Bibliomed, Inc. Todos os Direitos Reservados contato imprensa