Benefícios dos antipsicóticos de primeira e segunda geração para tratamento da esquizofrenia não são claros

26 de outubro de 2012
Equipe Editorial Bibliomed

26 de outubro de 2012 (Bibliomed). Continua o debate sobre as vantagens comparativas e riscos dos antipsicóticos de primeira geração (APGs) e antipsicóticos de segunda geração (ASGs) no tratamento da esquizofrenia. Uma revisão sistemática comparou os efeitos de APGs com os de ASGs no tratamento de adultos com idades entre 18 e 64 anos com esquizofrenia e psicose sobre os sintomas da doença, diabetes mellitus, mortalidade, discinesia tardia e síndrome metabólica. Foram selecionados ensaios clínicos randomizados de eficácia e estudos de coorte pelo menos...

Palavras chave: antipsicóticos de segunda geração, esquizofrenia, clorpromazina, clozapina, haloperidol contra o aripiprazol, olanzapina, diabetes mellitus

Copyright © 2012 Bibliomed, Inc.

Divulgação



Publicidade

conteúdos relacionados



© 2000 - 2019 Bibliomed, Inc. Todos os Direitos Reservados contato imprensa