Não há evidência de que a ressuscitação cardiopulmonar antes da desfibrilação seja benéfica ou prejudicial
09 de agosto de 2010
Equipe Editorial Bibliomed

09 de agosto de 2010 (Bibliomed). Estudos em humanos durante a última década têm indicado que atrasar a desfibrilação pode promover um estado mais sensível do miocárdio que é mais provável de responder à desfibrilação e resultar em aumento das taxas de restauração da circulação espontânea (RCE) e ou sobrevivência.
Entretanto, estudos fora de ambiente hospitalar produziram resultados conflitantes sobre os benefícios da RCP antes da desfibrilação em relação à sobrevida e à alta hospitalar. Uma revisão sistemática e meta-análise publicada no periódico...

Palavras chave: desfibrilação, rcp, rcp desfibrilação, não, desfibrilação imediata, à, estudos, imediata, sobrevida, não há evidência, atrasar desfibrilação, imediata sobrevida, atrasar, mais, alta, evidência, resultados, hospitalar, benefício, 3,

Copyright © 2010 Bibliomed, Inc.

Divulgação



Publicidade

conteúdos relacionados


Assinantes


Esqueceu a senha?