Biópsia do linfonodo sentinela no carcinoma ductal in situ “puro” oferece pouca informação prognóstica, diz estudo

30 de abril de 2010
Equipe Editorial Bibliomed

30 de abril de 2010 (Bibliomed). Um novo estudo apresentado no Encontro Anual da American Society of Breast Surgeons indica que dois procedimentos comumente usados - a dissecção axilar e a biópsia do linfonodo sentinela - pode representar mais prejuízos do que benefícios para pacientes com carcinoma ductal in situ “puro” (CDIS). Segundo a pesquisadora Amy Bremner, os procedimentos e seus resultados “apresentam alguma morbidade”, embora em baixos níveis. “A menos que haja circunstâncias de que há um componente invasivo, podemos dizer: não faça (esses...

Palavras chave: biópsia, carcinoma ductal, carcinoma ductal situ, ductal situ, linfonodo, ductal, situ, carcinoma, pacientes, biópsia linfonodo, situ “puro”, “puro”, sentinela, tiveram, nódulos, procedimentos, surgeons, menos, dissecção, axilar,

Copyright © 2010 Bibliomed, Inc.

Divulgação



Publicidade

conteúdos relacionados



© 2000 - 2017 Bibliomed, Inc. Todos os Direitos Reservados contato imprensa