Uso de aparelhos auditivos está associado a menor risco de demência, depressão e quedas
09 de outubro de 2019
Equipe Editorial Bibliomed

09 de outubro de 2019 (Bibliomed). Publicações científicas anteriores indicam fortes associações entre a perda da audição e condições adversas, como isolamento social, depressão, declínio cognitivo, lesões associadas a quedas, e redução da qualidade de vida. Apesar desses achados, o uso de aparelhos para audição como intervenção terapêutica para aqueles com perda da audição permanece baixa. Isso foi atribuído a vários fatores, incluindo falta de percepção de percepção, benefício limitado aos pais, desconforto,...

Palavras chave: Geriatria, otorrinolaringologia, perda da audição, aparelhos, surdez, doença de Alzheimer, demência, depressão, ansiedade, quedas.

Copyright © 2019 Bibliomed, Inc.

Divulgação



Publicidade

conteúdos relacionados


Assinantes


Esqueceu a senha?