Combinação precoce de antibióticos melhora a sobrevida em comparação à monoterapia no choque séptico - Crit Care Med. 2010 Sep;38(9):1773-85.

Kumar A, Zarychanski R, Light B, Parrillo J, Maki D, Simon D, Laporta D, Lapinsky S, Ellis P, Mirzanejad Y, Martinka G, Keenan S, Wood G, Arabi Y, Feinstein D, Kumar A, Dodek P, Kravetsky L, Doucette S; Cooperative Antimicrobial Therapy of Septic Shock (CATSS) Database Research Group. Early combination antibiotic therapy yields improved survival compared with monotherapy in septic shock: a propensity-matched analysis. Crit Care Med. 2010 Sep;38(9):1773-85.

Cenário: O choque séptico representa a principal causa de mortalidade associada à infecção na unidade de terapia intensiva. É controverso se a possibilidade de combinação de antibióticos no choque séptico bacteriano melhora os desfechos. As diretrizes atuais não recomendam a terapia combinada, exceto com a proposta expressa de ampliar a cobertura, quando...

Palavras chave: terapia, p, 1223, terapia combinada, choque, combinada, choque séptico, séptico, mortalidade, vs, antibióticos, combinação, p =, associada, estudo, d, =, risco, intervalo confiança 95%, intervalo confiança,

Divulgação



Publicidade

conteúdos relacionados
Artigo / Publicado em 18 de julho de 2000

Resposta Inflamatória Sistêmica

Artigo / Publicado em 16 de julho de 2010

Sepse Materna

Artigo / Publicado em 27 de abril de 2012

Tratamento atual da pneumonia nosocomial por MRSA

Artigo / Publicado em 3 de julho de 2009

Tratamento Adjuvante na Sepse

Artigo / Publicado em 21 de outubro de 2011

Tratamento do penfigoide bolhoso

Artigo / Publicado em 5 de agosto de 2011

Prevenção da pneumonia associada à ventilação mecânica

Artigo / Publicado em 14 de agosto de 2008

Pneumonia no Idoso – 3ª Parte

Artigo / Publicado em 17 de fevereiro de 2012

Indicações da ventilação nao-invasiva

Notícia / Publicada em 1 de setembro de 2010

Administração de norepinefrina é benéfica em pacientes em choque séptico

Notícia / Publicada em 11 de fevereiro de 2010

Pneumonia pneumocócica se apresentando com choque séptico: fatores e evoluções relacionados ao patógeno e ao paciente



Assinantes


Esqueceu a senha?