Hipopituitarismo


Equipe Editorial Bibliomed

Neste artigo:. - Introdução - Etiologia - Manifestações clínicas - Tratamento - Referências Bibliográficas. Introdução. O hipopituitarismo é a deficiência parcial ou completa de secreção hormonal da hipófise anterior, podendo resultar de doença que acometa a hipófise ou o hipotálamo, e que pode resultar em maiores riscos de morbimortalidade e diminuição da qualidade de vida. Embora o hipopituitarismo seja uma condição rara, geralmente se desenvolve após lesão cerebral traumática e no cenário de adenomas hipofisários funcionantes e não funcionantes. Um fator de risco chave é a deficiência de cortisol devido à deficiência de hormônio adrenocorticotrópico (ACTH). O diagnóstico é baseado na investigação detalhada dos sintomas da função da glândula endócrina alvo em relação à correspondente deficiência de hormônio da hipófise.. A incidência e prevalência do hipopituitarismo variam entre 11,9 e 42,1 por milhão de indivíduos, a cada ano, e de 300 a 455 casos por milhão de habitantes, respectivamente. No entanto, esses números crescem significativamente se o hipopituitarismo secundário à lesão cerebral é levado em consideração, já ...

Palavras chave: Hipopituitarismo, hipófise, deficiência, doença, massa, irradiação, tiroxina, hidrocortisona, esteroides sexuais, hormônio do crescimento, desmopressina.

Divulgação



Publicidade

conteúdos relacionados



Assinantes


Esqueceu a senha?