Complicações das intervenções endovasculares aorto-ilíacas


Equipe Editorial Bibliomed

Neste artigo:. - Introdução - Complicações potenciais das intervenções endovasculares aorto-ilíacas - Conclusão - Referências. Introdução. A intervenção endovascular aorto-ilíaca é um tratamento aceito e eficaz para pacientes com doença arterial periférica sintomática. A durabilidade deste tipo de intervenção ultrapassa a de outros procedimentos endovasculares das extremidades. . No caso dos aneurismas da aorta abdominal (AAA), o reparo endovascular do aneurisma (EVAR) mudou a abordagem cirúrgica destes pacientes. O EVAR apresenta menores taxas de mortalidade em 30 dias, menor ocorrência de infarto do miocárdio em 30 dias e menor tempo de internação no reparo do AAA, tanto eletivamente como em casos emergências (aneurismas rotos).  . Com o EVAR tendo se tornado a intervenção preferencial para a maioria dos pacientes com aneurisma de aorta, um número crescente de complicações está sendo relatado como resultado do aumento do número desses procedimentos realizados. As complicações destes procedimentos não são frequentes, porém, ao ocorrerem, podem chegar a ser em alguns casos, catastróficas. . Deve ser observado que ...

Palavras chave: Complicações, endovascular, aneurisma, endoprótese, endoleaks, aorta abdominal, artéria ilíaca, sangramento.

Divulgação



Publicidade

conteúdos relacionados



Assinantes


Esqueceu a senha?