Tratamento Medicamentoso Oral do Diabetes mellitus Tipo 2


Equipe Editorial Bibliomed

© Equipe Editorial Bibliomed. Neste Artigo:. - Introdução - Tratamento Introdução O diabetes mellitus (DM) representa um grupo de distúrbios metabólicos com característica comum de hiperglicemia resultante de defeitos na secreção ou ação da insulina, ou ambos. Ao longo do tempo, os pacientes portadores dessa enfermidade frequentemente evoluem com complicações micro e macrovasculares, incluindo retinopatia, neuropatia, nefropatia e progressão de doença cardiovascular. . Em condições normais, a glicose plasmática é controlada rigidamente e mantida, no jejum, entre 60 e 100 mg/dL, pela insulina secretada a partir das células beta das ilhotas pancreáticas. Embora a hiperglicemia seja o sinal mais precoce e facilmente detectável do desenvolvimento do DM, esses distúrbios se associam a regulação anormal de outros nutrientes, como ácidos graxos e aminoácidos.. A glicose e os ácidos graxos podem ser empregados como substratos energéticos para os tecidos musculares, incluindo o miocárdio, participando da geração de trifosfato de adenosina (ATP). A falta relativa de insulina no DM leva à lipólise, com consequente liberação de ácidos graxos ...

Palavras chave: insulina, diabetes, ácidos, ácidos graxos, graxos, complicações, pacientes, é, dm, controle, , tratamento, controle glicêmico, diabetes mellitus, glicose, incluindo, ação, hiperglicemia, diabetes mellitus tipo, pacientes portadores,

Divulgação



Publicidade

conteúdos relacionados



© 2000 - 2017 Bibliomed, Inc. Todos os Direitos Reservados contato imprensa