Crises Hipertensivas


Equipe Editorial Bibliomed

© Equipe Editorial Bibliomed. Neste Artigo:. - Introdução - Avaliação - Objetivos do Tratamento - Tratamento Medicamentoso - Referências Bibliográficas. Introdução. Crises hipertensivas são aquelas situações nas quais uma pressão arterial  muito elevada se acompanha de lesão aguda de órgão-alvo progressiva ou iminente. Em países de primeiro mundo, como nos Estados Unidos, a hipertensão arterial é a causa mais comum de visitas ao médico em situações de emergência. Os médicos responsáveis pelo atendimento primário podem esperar encontrar pacientes com níveis bastante elevados de pressão arterial (PA), definidos como superiores a 180/110mmHg. A triagem imediata desses pacientes é necessária, para identificação daqueles que se beneficiariam de redução aguda da pressão arterial.. Os pacientes que se apresentam com PA acima de 180/110mmHg devem ser classificados em um de três grandes grupos, mutuamente exclusivos:. Hipertensão Grave: PA acima de 180/110mmHg, na ausência de sintomas além de ...

Palavras chave: pa, , é, acima, hipertensão, aguda, sintomas, crise, 180/110mmhg, elevada, lesão, , pa acima 180/110mmhg, acima 180/110mmhg, pa acima, ser, cefaléia, hipertensivas, pacientes, três grupos,

Divulgação



Publicidade

conteúdos relacionados



Assinantes


Esqueceu a senha?