Marcadores Inflamatórios nas Síndromes Coronarianas Agudas - Parte I


Equipe Editorial Bibliomed

Neste artigo:. - Introdução. - Citocinas. - Reagentes de Fase Aguda. - Marcadores de Ativação Endotelial. - Referências Bibliográficas. Introdução. A aterosclerose é uma doença inflamatória, e pode-se considerar que todos os fenômenos que ocorrem durante o processo de formação da placa e de sua eventual ruptura representem uma resposta inflamatória à lesão. Até recentemente, acreditava-se que o desnudamento do endotélio era o primeiro e mais importante passo no desenvolvimento da aterosclerose, porém atualmente sabe-se que a disfunção endotelial é um dos primeiros estágios da doença.. Esse processo inflamatório, que caracteriza a aterosclerose, é extremamente complexo e envolve diversas moléculas da cascata inflamatória, cuja identificação e reconhecimento de seu papel chave levantaram a possibilidade de investigação do seu uso potencial como marcadores para o diagnóstico e definição de prognóstico, bem como possível alvo terapêutico, nos pacientes que se apresentam com doença arterial coronariana.. As síndromes coronarianas agudas (SCA’s) são multifatoriais, sendo desencadeadas ...

Palavras chave: marcadores, inflamatórios, placa, marcadores inflamatórios, é, il-6, pacientes, risco, importante, inflamatória, processo, resposta inflamatória, síndromes coronarianas, síndromes coronarianas agudas, coronarianas agudas, ser, endotelial, são, doença, nív

Divulgação



Publicidade

conteúdos relacionados



Assinantes


Esqueceu a senha?