Projeto Diretrizes - Cardiologia Nuclear


Equipe Editorial Bibliomed

Sociedade Brasileira de Cardiologia. . Elaboração Final: 10 de Dezembro de 2001. . Autoria: Chalela WA,  Meneghetti JC,  Brito FS,  Ximenes AAB,   Almeida CA,  Vítola JV,  Mastrocolla LE,  Barroso AA,   Précoma DB,  Salis F,  Marin-Neto JA,  Buchpieguel CA,   Meneghelo RS,  Nicolau JC,  Feitosa GS.. . O Projeto Diretrizes, iniciativa conjunta da Associação Médica Brasileira e Conselho Federal de Medicina, tem por objetivo conciliar informações da área médica a fim de padronizar condutas que auxiliem o raciocínio e a tomada de decisão do médico.As informações contidas neste projeto devem ser submetidas à avaliação e à crítica do médico, responsável pela conduta a ser seguida, frente à realidade e ao estado clínico de cada paciente.. . INTRODUÇÃO. . A cardiologia nuclear existe em nosso meio há mais de duas décadas. Desde os primeiros estudos experimentais, novas técnicas evoluíram progressivamente. Nos últimos anos ocorreram grandes avanços tanto na instrumentação quanto no desenvolvimento de radiofármacos. De maneira paralela, os estudos alcançaram resultados de grande relevância clínica no diagnóstico, bem como na avaliação funcional de pacientes com doença conhecida. Isto possibilitou uma melhor estratificação e prognóstico de risco destes pacientes. Em cada seção, serão apresentados, resumidamente, os aspectos relevantes na indicação mais adequada ...

Palavras chave: cardiologia, miocárdica, pacientes, à, nuclear, diretrizes, cardiologia nuclear, sensibilidade, brasileira, repouso, ser, agudo, diagnóstico, cintilografia miocárdica, infarto agudo, angina instável, instável, cintilografia, infarto, procedimento opcional

Divulgação



Publicidade

conteúdos relacionados



© 2000 - 2018 Bibliomed, Inc. Todos os Direitos Reservados contato imprensa