Estudo ELUTES: um novo tipo de stent com baixa reestenose


Equipe Editorial Bibliomed

Equipe Editorial da Bibliomed. . "Estudos clínicos recentes tem procurado avaliar stents coronários embebidos em drogas capazes de impedir o crescimento celular, no sentido de impedir a reestenose ou a trombose. No Congresso Europeu de Cardiologia de 2001 o estudo RAVEL foi apresentado, acerca de stents embebidos com sirolimus. Agora, na sessão científica anual da American Heart Association, foi apresentado o estudo ELUTES.". . Após os resultados recentemente apresentados no último Congresso Europeu de Cardiologia com o estudo RAVEL, um novo tipo de stent recoberto, com a finalidade de diminuir a reestenose coronária após angioplastia com colocação de stent foi apresentado na Scientific Session da American Heart Association, em novembro de 2001, em Anaheim, Califórnia.. . O estudo apresentado foi o ELUTES, através do Dr. Anthony Gershlick (Glenfield Hospital, Leicester, Inglaterra) - trata-se de um novo stent recoberto por paclitaxel. . . Stents recobertos por medicamentos podem tratar ambos os mecanismos da reestenose, ou sejam, a remodelação geométrica e a hiperplasia neointimal. O Paclitaxel (Taxol®), um agente antimicrotubular, é capaz de inibir a proliferação e a migração da musculatura lisa.. . A droga é usada de maneira habitual no tratamento do carcinoma avançado do ovário, em combinação com a cisplatina. Os microtubulos funcionam como ...

Palavras chave: stent, estudo, paclitaxel, apresentado, novo, após, tipo, reestenose, é, pacientes, ug/mm2, 2001, stent recoberto, tipo stent, congresso europeu, novo tipo stent, receberam, congresso, coronárias, lesões coronárias,

Divulgação



Publicidade

conteúdos relacionados



© 2000 - 2018 Bibliomed, Inc. Todos os Direitos Reservados contato imprensa