Cirurgia conservadora em tumores primários do rim unilaterais em crianças


Equipe Editorial Bibliomed

Autor: J. M. Correia Neves e Paolo Casella. . Neste Artigo:. . - Protocolo do Estudo. - Comentário. . A cirurgia conservadora tem sido utilizada em crianças com tumor de Wilms bilateral, sendo a sobrevida aos 4 anos superior a 80%. Acontece que a presença de doença residual, macro ou microscópica, não tem um impacto significativo na sobrevida ou taxa de recidiva local. Estes resultados devem-se á utilização de quimioterapia mais agressiva.. . Protocolo do Estudo. . Neste protocolo da Unidade de Cirurgia Pediátrica da Universidade "La Sapienza" de Roma, foram incluídas 28 crianças com tumor primário do rim, com idades compreendidas entre 1 dia e 12 anos, tratadas entre Janeiro de 1992 e Junho de 2000. Todos os doentes com mais de 6 meses foram submetidos a Actinomicina D e Vincristina pré-operatória, de acordo com o protocolo da SIOP.. . Foram considerados para cirurgia conservadora os doentes com tumores no estádio I pós-quimioterapia neoadjuvante em que se calculava possível a preservação de pelo menos 50% do rim nos estudos imagiológicos pré-operatórios, e com exames extemporâneos negativos da gordura peri-renal, do parênquima restante e dos gânglios do hilo e justa-aórticos (N=11). Um destes doentes foi excluído intra-operatoriamente por dificuldades técnicas. ...

Palavras chave: cirurgia, doentes, crianças, cirurgia conservadora, nefrectomia, conservadora, tumores, tumor, rim, renal, estádio, protocolo, enucleação, não, crianças tumor, cirurgia conservadora tumores, nefrectomia parcial, conservadora doentes, quimioterapia, gângli

Divulgação



Publicidade

conteúdos relacionados



© 2000 - 2019 Bibliomed, Inc. Todos os Direitos Reservados contato imprensa