Publicidade

Publicidade

Publicidade

YOMAX

Laboratório

Apsen Farmacêutica S.A

Principio ativo

IOIMBINA, CLORIDRATO

Classe

Composição

YOMAX Comprimidos: Cada comprimido contém 5,4 mg de cloridrato de ioimbina. Caixa com 60 comprimidos.

Apresentação

Indicações

Disfunções sexuais masculinas, de origem psicogênica, vascular ou diabética, têm sido tratadas com sucesso com ioimbina. É proposto também nos casos de hipotensão ortostática, particularmente naquela induzida pelos antidepressivos tricíclicos.

Contra indicações

Hipersensibilidade a qualquer um dos componentes da fórmula. Pacientes com disfunção renal ou hepática, angina pectoris, hipertensão e doenças cardíacas.

Posologia

Adultos: Um comprimido de YOMAX três vezes ao dia. Se ocorrerem reações como náuseas, tontura ou nervosismo, a dosagem pode ser reduzida para 1/2 comprimido três vezes ao dia. Posteriormente, a dose deve ser aumentada gradualmente para 1 comprimido três vezes ao dia. O tratamento não deve ser superior a 10 semanas.

Reações adversas

Sistema nervoso central: a ioimbina penetra facilmente no SNC e produz um complexo-padrão de respostas com doses menores do que aquelas requeridas para produzir bloqueio alfa-adrenérgico. Estas incluem antidiurese e excitação central, incluindo hipertensão e taquicardia, aumento da atividade motora, irritabilidade, vertigem e nervosismo. Foram relatados como de ocorrência rara: náuseas ou vômitos, cefaléia, transpiração, erupção cutânea, rubor e tremor.

Interações medicamentosas

Podem decorrer duas ou três semanas antes que os efeitos de YOMAX se tornem evidentes. Pacientes recebendo ioimbina devem estar sob supervisão de especialistas habituados ao seu uso. Não utilizar YOMAX em pacientes com distúrbios psiquiátricos ou cardiorrenais e com história de úlcera gastroduodenal. Recomenda-se a monitorização periódica quanto à pressão arterial e freqüência cardíaca.
© 2000 - 2019 Bibliomed, Inc. Todos os Direitos Reservados contato imprensa