Publicidade

Publicidade

Publicidade

VERMECTIL

Laboratório

Cifarma Científica Farmacêutica Ltda.

Principio ativo

IVERMECTINA

Classe

Antiparasitários

Composição

Cada comprimido de VERMECTIL contém: Ivermectina 6 mg; Excipientes (celulose microcristalina, lactose, dióxido de silício coloidal, estearato de magnésio, BHA e ácido cítrico) q.s.p. 1 comprimido.

Apresentação

VERMECTIL Comprimidos de 6 mg: Embalagens contendo 2 e 4 comprimidos.

Indicações

Estrongiloidíase intestinal causada pelo Strongyloides stercoralis. Oncocercose devido ao parasita nematóide Onchocerca volvulus. A ivermectina não possui atividade contra os parasitas Onchocerca volvulus adultos; portanto, a retirada cirúrgica dos nódulos subcutâneos onde residem estes parasitas pode ser considerada, uma vez que esse procedimento elimina os parasitas adultos que produzem as microfilárias. Filariose causada pelo parasita nematóide Wuchereria bancrofti. Escabiose, dermatose causada pelo Sarcoptes scabiei. Pediculose causada pelo Pediculus humanus capitis.

Contra indicações

Hipersensibilidade à ivermectina ou a qualquer um dos componentes da fórmula. Devido aos efeitos nos receptores GABAérgicos do cérebro, VERMECTIL está contra-indicado para pacientes com meningite ou outras afecções do sistema nervoso central (SNC) que possam afetar a barreira hematoencefálica. VERMECTIL não deve ser usado durante a gravidez, pois a segurança do seu uso em gestantes não foi estabelecida. O uso de VERMECTIL também deve ser evitado pelas lactantes e crianças com peso inferior a 15 kg ou menores de 5 anos de idade.

Posologia

Tratamento da estrongiloidíase, filariose, escabiose e pediculose: A dose recomendada de VERMECTIL para o tratamento dessas afecções é uma dose única oral de 200 mg(microgramas)/kg de peso corporal. Oncocercose: A dosagem recomendada para o tratamento da oncocercose é uma dose única oral de 150 mg(microgramas)/kg de peso corporal.

Reações adversas

As reações adversas devido ao uso da ivermectina são, em geral, de natureza leve e transitória. Podem, raramente, ocorrer as seguintes reações: diarréia, náusea, astenia, dor abdominal, anorexia, vômitos, tontura, sonolência, vertigem e tremor. As reações cutâneas incluem prurido, erupções e urticárias.

Interações medicamentosas

© 2000 - 2019 Bibliomed, Inc. Todos os Direitos Reservados contato imprensa