Publicidade

Publicidade

Publicidade

NORIPURUM EV

Laboratório

Altana Pharma Ltda.

Principio ativo

FERRO III

Classe

Reposição de eletrólitos e minerais

Composição

Cada ampola de 5 ml contém: Ferro III 100 mg (na forma de complexo coloidal de sacarato de hidróxido de ferro III [2.500 mg]); Água bidestilada q.s.p. 5 ml.

Apresentação

Solução injetável endovenosa: Embalagem com 5 ampolas de 5 ml.

Indicações

Anemias ferropênicas graves (pós-hemorrágicas, pós-partos, pós-cirúrgicas), distúrbios de absorção gastrointestinal (diarréia crônica, retocolite ulcerativa) ou na impossibilidade de se utilizar a ferroterapia por via oral. Anemias no 3º trimestre da gravidez e no puerpério. No pré-operatório de grandes cirurgias. Anemia que acompanha a insuficiência renal crônica.

Contra indicações

Todas as anemias não-ferropênicas, particularmente aquelas caracterizadas por acúmulo de ferro ou incapacidade de sua utilização, tais como hemocromatose, anemia falciforme pura, anemia hemolítica, anemias provocadas pelo chumbo, talassemia, anemias associadas a infecções ou neoplasias. Hipersensibilidade conhecida ao ferro ou aos componentes da fórmula. Gravidez e lactação: Não se recomenda o uso parenteral de compostos à base de ferro durante o primeiro trimestre de gestação. Durante os segundo e terceiro trimestres, a administração deve ser feita com cautela. Não se sabe se ocorre aumento na excreção de ferro no leite materno, após a administração parenteral de ferro.

Posologia

Crianças: 0,15 ml/kg de peso corporal (3 mg de ferro/kg), 2 ou 3 vezes por semana, dependendo dos parâmetros hematológicos. Adultos e pacientes idosos: 5 a 10 ml (1 a 2 ampolas), 2 ou 3 vezes por semana, dependendo dos parâmetros hematológicos. Dose máxima permitida em cada aplicação: Crianças: 0,35 ml de NORIPURUM/kg de peso corporal diluído em solução fisiológica, infundidos em, no mínimo, 3,5 horas, uma vez por semana. Adultos e pacientes idosos: Injeção: 10 ml (200 mg de ferro) administrados em no mínimo 10 minutos. Infusão: Se a situação clínica assim o determinar, a dose única poderá chegar a 0,35 ml de NORIPURUM/kg de peso corporal (7 mg de ferro/kg de peso), não excedendo 25 ml de NORIPURUM (500 mg de ferro) diluídos em 500 ml de solução fisiológica administrados em, no mínimo, 3,5 horas, uma vez por semana. Se a dose total necessária exceder a dose diária máxima permitida, a administração deve ser dividida. Se não se observar nenhuma resposta nos parâmetros hematológicos após 1 a 2 semanas de tratamento, o diagnóstico de anemia ferropriva deve ser reconsiderado.

Reações adversas

Ocasionalmente podem ocorrer os seguintes efeitos secundários: gosto metálico, cefaléia, náuseas e vômitos, parestesia, distúrbios gastrointestinais, dores musculares, febre, hipotensão, urticária, rubor e reações anafilactóides. Podem ocorrer flebites e espasmos venosos no local da veia puncionada. Muito raramente podem ocorrer reações anafiláticas.

Interações medicamentosas

© 2000 - 2018 Bibliomed, Inc. Todos os Direitos Reservados contato imprensa