Publicidade

Publicidade

Publicidade

NOODIPINA

Laboratório

Apsen Farmacêutica S.a.

Principio ativo

NIMODIPINO

Classe

Composição

NOODIPINA Comprimidos e Injetável para infusão intravenosa. Frasco-ampola com 50 ml de solvente e 10 mg de nimodipina. Caixa com 36 comprimidos revestidos de 30 mg de nimodipina.

Apresentação

Indicações

Na profilaxia e tratamento das deficiências isquêmicas neurológicas devidos a espasmo dos vasos cerebrais, após hemorragia subaracnóidea.

Contra indicações

NOODIPINA está contra-indicado nos casos de edema generalizado ou de nítido aumento da pressão intracraniana e deve ser utilizado com o cuidado necessário.

Posologia

Comprimidos: Em casos de alterações da capacidade mental de patogênese predominantemente cerebrovascular, recomenda-se a dose diária de 3 comprimidos (90 mg/dia). Infusão endovenosa gota a gota: Inicia-se o tratamento com uma dose de 1 mg (= 5 ml) de NOODIPINA por hora (cerca de 15 micrograma/kg de peso/hora) nas 2 primeiras horas e, caso se verifique boa tolerância (especialmente ausência de acentuada queda da pressão arterial), aumenta-se a dose para 2 mg (= 10 ml)/hora (cerca de 30 micrograma/kg de peso/hora), a partir da 2a. hora. Administração: Infunde-se NOODIPINA conjuntamente com as soluções de infusão e os substitutos do sangue ou do volume, através de um cateter central, usando uma bomba de infusão no sistema de circulação extracorpórea. Para se assegurar a diluição suficiente de NOODIPINA, recomenda-se que o volume da infusão concomitante não seja inferior a 1.000 ml/dia. É conveniente não interromper a administração de NOODIPINA durante anestesia, intervenções cirúrgicas e angiografias. Como a substância ativa de NOODIPINA é absorvida pelo cloreto de polivinila (PVC), só se deve usar tubagem de polietileno para a infusão.

Reações adversas

Durante o tratamento com NOODIPINA Solução podem ocorrer efeitos adversos como: queda de pressão arterial (principalmente nos pacientes com pressão inicial elevada), aumento da freqüência cardíaca, rubor facial, flebite (no caso de administração da solução não diluída nas veias periféricas), aumento das transaminases, da fosfatase alcalina e da gama-glutamiltransferase (GAMA-GT) e comprometimento da função renal com aumento da uréia e/ou creatinina sérica. Muito raramente, trombocitopenia e alteração do trânsito intestinal por paralisia intestinal. Esta formulação contém 20% (v/v) de álcool etílico. NOODIPINA Comprimidos: No início do tratamento podem ocorrer os seguintes efeitos adversos: cefaléia, queixas gastrointestinais, náuseas, tonturas, astenia, rubor facial, sensação de calor, edema periférico e queda da pressão arterial no caso de valores inicialmente elevados. Em raros casos, especialmente nos pacientes que reagem rapidamente ao produto, podem surgir dores no peito, fato que deve ser comunicado ao médico. Alguns pacientes podem apresentar insônia, agitação motora, agressividade e sudorese.

Interações medicamentosas

© 2000 - 2019 Bibliomed, Inc. Todos os Direitos Reservados contato imprensa