Ginecologia Infanto-Juvenil - 1ª. Ed. - Capítulo 54 - Filosofias de Escolha de Parceiros

Alitta Guimarães Costa Reis Ribeiro da Silva. . Como escolhemos nossos parceiros para um relacionamento amoroso? Esta questão apóia-se em critérios e valores que considero de interesse estudar, pois a sociedade incentiva que tal escolha seja para a vida toda, base da concepção de tradição e família, doadora de um núcleo estável onde possa bem evoluir a educação dos filhos e onde possa haver felicidade.. . Parece muita responsabilidade, principalmente porque essas escolhas ocorrem quando ainda somos muito jovens e inexperientes. Num referencial psicodinâmico, poderíamos supor que alguém "vê" o outro, repara nele, porque algo já existe de familiar e conhecido: uma espécie de configuração ou "forma" interna que a presença do outro validaria. Estaríamos, então, falando de escolhas de tipo narcísico ou baseadas em figuras significativas do passado.. . Dentro dessa linha de raciocínio, poderíamos ter altos padrões de escolha de parceiros baseados em princípios que são universais: igualdade....

Divulgação



Publicidade

conteúdos relacionados



© 2000 - 2017 Bibliomed, Inc. Todos os Direitos Reservados contato imprensa