Insuficiência Cardíaca - Capítulo 14 - Transplante Cardíaco

PEREIRA 14 Introdução. O primeiro transplante cardíaco foi realizado por Christian Barnard em 1967 na África do Sul, utilizando como base a técnica cirúrgica desenvolvida por Normam E. Shumway e colaboradores. Apesar de tecnicamente factível, o transplante cardíaco apresentava resultados pouco encorajadores, devido principalmente ao enorme risco de rejeição e efeitos colaterais causados pelos imunossupressores disponíveis na época. . Durante a década de 1980, ocorreram avanços significativos nas áreas de imunossupressão, técnica cirúrgica, preservação de órgãos e tratamento para rejeição crônica.1 Esses avanços foram associados a uma melhora significativa dos resultados e popularização técnica por diversos centros no mundo.2 . Atualmente, o transplante cardíaco é o tratamento de escolha para pacientes com insuficiência cardíaca refratária. O sucesso, porém, depende ainda de uma excelência da técnica para remoção e implante do órgão e complexos cuidados pré e pós-operatórios. Apesar das campanhas de incentivo à doação de órgãos, as doações são insuficientes para sanar a demanda de transplantes....

Divulgação



Publicidade

conteúdos relacionados



© 2000 - 2017 Bibliomed, Inc. Todos os Direitos Reservados contato imprensa