EMERGÊNCIAS MÉDICAS - Capítulo 48 - Pancreatite Aguda

Documento sem título Júlio Maria Fonseca Chebli. Liliana Andrade Chebli. Carlos Augusto Gomes. Rodrigo de Oliveira Peixoto. Considerações Gerais a. Pancreatite aguda (PA) é uma condição inflamatória aguda do pâncreas, que pode envolver os tecidos peripancreáticos e, em sua forma grave, quase todos os sistemas orgânicos. O curso clínico da PA é usualmente leve; todavia, 10-20% dos pacientes desenvolvem uma síndrome de resposta inflamatória sistêmica (SRIS) com falência orgânica e/ou necrose pancreática, resultando em hospitalização prolongada e significante morbi-mortalidade.1 A doença é iniciada pela ativação de zimogênios pancreáticos, resultando em autodigestão glandular e resposta inflamatória mediada pelo sistema imune inato. A despeito de extensa pesquisa em modelos animais, os fatores que determinam a gravidade da doença em humanos são ainda elusivos.. Nos últimos anos, vem se notando o aumento crescente na incidência da PA, em muito justificada pelo aumento do consumo de álcool e pela melhora dos métodos diagnósticos. Nos Estados Unidos, cuja incidência anual de PA é de 18 por 100.000 habitantes, cerca de 300.000 pacientes são hospitalizados anualmente com PA, ocasionando 3.200 óbitos e contribuindo para 4.000 mortes adicionais ao ano.2 . Os cálculos biliares permanecem....

Divulgação



Publicidade

conteúdos relacionados



© 2000 - 2017 Bibliomed, Inc. Todos os Direitos Reservados contato imprensa