EMERGÊNCIAS MÉDICAS - Capítulo 44 - Gota Aguda SEÇÃO VI - EMERGÊNCIAS GASTROENTEROLÓGICAS

Documento sem título Maria Raquel da Costa Pinto. Rosa Weiss Telles .  .          A gota representa custo significativo para os indivíduos acometidos, e para a sociedade. O diagnóstico correto e o seu tratamento devem ser seguidos por redução da hiperuricemia, já queos níveis séricos aumentados do ácido úrico e a gota são considerados fatores de risco independentes para hipertensão arterial sistêmica, doença renal e cardiovascular.. I – Introdução. A gota, doença da deposição de cristais de monourato de sódio (MUS),é caracterizada bioquimicamente pela saturação de urato no fluido extracelular. As manifestações clínicas incluem uma ou mais dos seguintes sinais ou sintomas: ataques recorrentes de artrite inflamatória aguda; artropatia crônica; acúmulo de cristais de urato na forma de tofos; nefropatia com intersticiopatia, tubulopatia ou formação de cálculos de ácido úrico.. Os estádios clássicos da gota são artrite gotosa aguda, gota intercrítica e gota tofácea crônica. . . II – Epidemiologia. A gota acomete 1 a 2% dos adultos, constituindo-se naforma mais comum de artrite inflamatória em....

Divulgação



Publicidade

conteúdos relacionados



© 2000 - 2017 Bibliomed, Inc. Todos os Direitos Reservados contato imprensa