EMERGÊNCIAS MÉDICAS - Capítulo 28 - Afogamento

Documento sem título David Szpilman . PROGNÓSTICO E ESCALAS DE GRAVIDADE REFERENCIAS . Afogamento é um imenso problema de saúde pública ainda pouco conhecido e ignorado. A adoção de uma nova definição e terminologia permitiu recentemente a melhora deste cenário. Mais de 500.000 pessoas morrem afogadas todos os anos no mundo e 7.000 no Brasil. Afogamento é a segunda causa de óbito na faixa etária de 5 a 9 anos de idade e a terceira nas faixas de 1 a 4 e 10 a 19 anos. A prevenção é a medida de maior impacto na intervenção deste tipo de acidente. O afogamento possui princípios muito diferentes de outras patologias e traumas. A começar temos uma vitima que deve ser socorrido ainda dentro da água, um ambiente hostil à prestação deste atendimento. O socorrista deve ter especial atenção para não se tornar uma segunda vítima. O atendimento de suporte básico ainda dentro da água, quando a ventilação artificial é necessária, tem um prognóstico 4 vezes melhor. O transporte adequado da vitima bem como o seu posicionamento inicial é importante para o prognostico. Casos de afogamento sofrem parada respiratória antes da cardíaca e devem receber a seqüência correta de ressuscitação: ABC (“Air + Breathing + Circulation”). O desenvolvimento de uma classificação....

Divulgação



Publicidade

conteúdos relacionados



© 2000 - 2017 Bibliomed, Inc. Todos os Direitos Reservados contato imprensa