EMERGÊNCIAS MÉDICAS - Capítulo 27 - Manejo da Asma na Urgência

Documento sem título Ciro José Buldrini Filogônio. José Carlos Serufo. Introdução. A asma é a doença crônica mais comum na infância, causa significativa de absenteísmo escolar e freqüente motivo de internação. Acomete todas as faixas etárias, com leve predomínio de meninos até a puberdade, e de mulheres a partir de então.. A prevalência da asma aumenta a partir do primeiro ano de idade e atinge o máximo entre sete e nove anos, começando a declinar, de modo que por volta dos 30 anos 70% dos pacientes estão livres dos sintomas, a maioria antes mesmo dos 20. A partir dos 50 anos, a prevalência começa novamente a aumentar, atingindo novo pico aos 60-65 anos. Esses pacientes têm asma mais persistente, com maior tendência à cronicidade, e o componente alérgico, quando presente, quase sempre não é o mais importante.. A prevalência da doença se mantém, embora com menor gravidade que a observada nas décadas de 70 e 80, quando ocorreu elevação da mortalidade e da morbidade. A tendência atual de redução se explica, em parte, pelo maior uso de corticóide inalatório e de outras medicações altamente eficazes, introduzidas nos últimos 10 a 15 anos. . Vale salientar que a maioria das mortes ocorre por tratamento insuficiente, o médico entrando tardiamente com medicação antiinflamatória, o paciente....

Divulgação



Publicidade

conteúdos relacionados



© 2000 - 2017 Bibliomed, Inc. Todos os Direitos Reservados contato imprensa