EMERGÊNCIAS MÉDICAS - Capítulo 21 - Insuficiência coronariana

Untitled Document Heberth César Miotto. Introdução Nas três últimas décadas presenciamos uma mudança completa na abordagem da insuficiência coronariana aguda, chamada de “Síndrome Coronariana Aguda”, principalmente no que se refere ao tratamento.  Desde a década de 80, quando se iniciou a era da reperfusão, a partir do melhor conhecimento da fisiopatologia da Síndrome Coronariana Aguda (SCA), a mortalidade vem decrescendo, apesar da incidência da síndrome não ter reduzido substancialmente. 1 A SCA engloba 3 subgrupos baseado na fisiopatologia e nos achados eletrocardiográficos e laboratoriais: 1- infarto agudo do miocárdio com supradesnível do segmento ST (IAM com supra ST), 2- infarto agudo do miocárdio sem supradesnível do segmento ST (IAM sem supra ST) e 3- angina instável. . Fisiopatologia A SCA ocorre em pacientes com variado grau de obstrução vascular pela placa aterosclerótica (ateroma). A maioria dos ateromas não apresenta gravidade significativa antes da sua ruptura, ou seja, não apresentam mais que 50% da obstrução da luz do vaso.2,3 Tipicamente a SCA....

Divulgação



Publicidade

conteúdos relacionados



© 2000 - 2017 Bibliomed, Inc. Todos os Direitos Reservados contato imprensa