Clínica Cirúrgica - Capítulo 28 - Megacólon Chagásico

Anna Cristina Cordeiro INTRODUÇÃO Os termos megacólon e megarreto designam dilatação colônica e retal de causa não obstrutiva; no entanto, não determinam a etiologia nem a fisiopatologia da doença.1 As causas de megacólon podem ser classificadas em congênitas e adquiridas. A infecção pelo Trypanosoma cruzi é responsável pela forma mais comum e mais estudada de megacólon adquirido, o megacólon chagásico.1 Essa condição constitui um importante problema de saúde pública no Norte, Nordeste e Centro-Oeste do Brasil, áreas endêmicas da doença de Chagas, que afeta uma parcela bastante carente da população. Etiologia A doença de Chagas, também conhecida com tripanossomíase americana, é causada por um protozoário da família Trypanosomatidae, o Trypanosoma cruzi.2,3 A doença foi descrita pela primeira vez pelo brasileiro Carlos Ribeiro Justiniano Chagas, em 1909.2,3 O T. cruzi é transmitido aos seres humanos através do triatomíneo, inseto muito comum em habitações pobres, como as “casas de taipa” das zonas rurais ou suburbanas brasileiras e de outros países endêmicos da América Latina (Figura 28.1). .

Divulgação



Publicidade

conteúdos relacionados



© 2000 - 2017 Bibliomed, Inc. Todos os Direitos Reservados contato imprensa