Clínica Cirúrgica - Capítulo 18 - Patologias Benignas do Esôfago 

Petrus Moura de Andrade Lima. Introdução  As doenças benignas do esôfago podem apresentar  amplo espectro de manifestações, exigindo do médico  atenção, principalmente, com a história clínica e os exames  complementares. Neste capítulo abordaremos a doença  do refluxo gastroesofágico, o esôfago de Barrett, a  acalasia, o megaesôfago e os divertículos esofágicos. Doença do Refluxo  Gastroesofágico  A doença do refluxo gastroesofágico (DRGE) é definida  como qualquer condição sintomática ou alteração anatômica  causada pelo fluxo retrógrado do conteúdo gástrico  para o esôfago.1  O refluxo de material gástrico para o esôfago não resulta  necessariamente em doença, pois indivíduos normais  apresentam breves períodos de refluxo assintomático que  não causam lesão no esôfago. Assim, apenas quando o refluxo  causa sintomas ou lesão tecidual temos a DRGE. Epidemiologia  A DRGE é uma das patologias mais comuns na prática  clínica de cirurgiões e gastroenterologistas e corresponde  à principal causa de dor torácica não cardíaca.2  A DRGE ocorre em todas as faixas etárias, embora sua  prevalência seja maior entre idosos. Afeta igualmente os  gêneros, entretanto a esofagite de refluxo é maior entre homens  (3:1).3 Estudos têm demonstrado relação direta....

Divulgação



Publicidade

conteúdos relacionados



© 2000 - 2017 Bibliomed, Inc. Todos os Direitos Reservados contato imprensa