Manual de Urgências em Pronto Socorro - Parte 01 - Urgências Cirúrgicas - Capítulo 17 - Traumatismo do Esôfago

Dyonisio Saad José Bichara. Danilo Gil Bichara. I. Introdução. A lesão traumática do esôfago é pouco frequente, mas constitui uma situação clínica grave, acarretando altos índices de morbidade e mortalidade devido, principalmente, à gravidade e à violência do trauma, à associação com lesões em órgãos vizinhos de importância vital, às dificuldades em se constatar precocemente o diagnóstico da lesão e ao retardo em iniciar o tratamento indicado.. Em serviços de urgência, prevalecem as lesões por trauma penetrante resultante de agressões por arma branca, mais rara, ou por projétil de arma de fogo, mais comum, atingindo e perfurando o esôfago em sua porção cervical, torácica ou abdominal. O agente traumático percorrendo regiões combinadas como cervicotorácica e toracoabdominal, ou transfixando as regiões cervical e torácica, determinará alta possibilidade de lesão esofágica, sendo frequente a associação de lesões graves com os órgãos vizinhos.. A lesão do esôfago em decorrência de um traumatismo torácico contuso é rara e de diagnóstico difícil. O trauma torácico grave atinge o....

Divulgação



Publicidade

conteúdos relacionados



© 2000 - 2017 Bibliomed, Inc. Todos os Direitos Reservados contato imprensa