Terapia Intensiva em Pediatria - Seção 09 - Suporte Nutricional- Capítulo 42 - Nutrição Enteral na Terapia Intensiva Pediátrica

Iza Cristina de V. M. Xavier. Ana Paula Gomes Ribeiro Lúcio Flávio Andrade de Alencar . Introdução. A terapia nutrição enteral (TNE) consiste na administração de nutrientes pelo trato gastrointestinal, por sondas ou ostomias, efetuada como única via de alimentação, ou via mista, com oral e/ou parenteral, visando à manutenção ou recuperação do estado nutricional e a redução do hipermetabolismo relacionado ao estresse em doentes graves. . Evidências experimentais e ensaios clínicos consideram benéficos os efeitos da nutrição enteral na manutenção da integridade funcional do intestino, estabelecendo seu papel de barreira imunológica, ao diminuir a translocação microbiana e suas endotoxinas para a circulação sistêmica, além de reduzir o hipermetabolismo nos pacientes graves. . Em pacientes pediátricos, estudos mostram que a promoção de TNE tem reduzido a morbimortalidade, sendo mais evidente nas unidades de cuidados intensivos pediátricos. . Indicações . A indicação da via enteral, segundo....

Divulgação



Publicidade

conteúdos relacionados



© 2000 - 2019 Bibliomed, Inc. Todos os Direitos Reservados contato imprensa